Liturgia Catequese Movimentos Historial Cartorio Cantinho Links Úteis Destaque
Folha Dominical
Atividades
Agenda
Equipa Jornalistica
Jornal



2016-09-19

Bênção dos Casais novos – 3.º encontro diocesano

Inscrições e informações: www.pastoralfamiliarporto.pt

Irá decorrer no dia 25 de Setembro, pelas 14.30 horas, na Casa Diocesana de Vilar o 3º Encontro diocesano e Casais Novos, que será presidido pelo Senhor D. António Francisco.

No convite, diz-lhes o nosso Bispo: "... Vós, queridos casais, sois uma bênção para a Diocese do Porto e constituis uma das mais belas razões da nossa alegria e da nossa esperança no futuro da Igreja e no bem do mundo. Na Exortação Apostólica pós-sinodal do Papa Francisco «Amoris Laetitia» começa assim: «A alegria do amor que se vive nas famílias é também júbilo da Igreja» (AL. 1). É esta alegria que queremos partilhar no encontro convosco para a transformamos em anúncio da alegria do Evangelho que assumimos como nossa missão.

Solicitamos às paróquias, às estruturas da Pastoral Familiar e aos Movimentos da Família que se movimentem e organizem no sentido de conseguirmos uma grande participação de casais noivos destes últimos cinco anos.

 

Fonte: sítio da Diocese do Porto

[ Download ]
Retiro dos Catequistas e Compromisso
Retiro dos Catequistas e Compromisso

Retiro dos Catequistas e Compromisso

Retiro dos Catequistas e Compromisso

Retiro dos Catequistas e Compromisso

Retiro dos Catequistas e Compromisso

Retiro dos Catequistas e Compromisso

2016-09-17

Retiro e compromisso dos Catequistas

No dia 17 de setembro os catequistas da nossa paróquia reuniram-se num encontro-retiro na quinta do Barral no Pinheiro da Bemposta, onde fizeram a preparação para o seu compromisso.

Foi um dia de escuta da palavra e de reflexão sobre o tema do próximo Ano Pastoral: “Com Maria, renovai-vos nas fontes da alegria”. Baseado neste tema refletimos sobre as sete alegrias de Maria: Anúncio do Anjo Gabriel; Visita à prima Isabel; Nascimento de Jesus; Adoração ao menino; Encontro de Jesus no templo; Ressurreição de Jesus; Coroação e Assunção de Maria. Depois da discussão em grupos onde se respondeu às questões: Como descrever a alegria de Maria e como é que essa alegria, é fonte de renovação para cada um de nós?

Em plenário concluiu-se que Maria é exemplo de Mulher, Mãe e Evangelizadora. Como Maria devemos ser exemplo de renovação constante na alegria, que em Maria também se exprime em muitas lágrimas de dor, de sofrimento, de solidão, de desencanto, de feridas abertas…Lágrimas que são água, símbolo de vida, de purificação, de limpeza e transformação. Um elemento primordial na natureza e que é considerada ponto de partida para o surgimento da vida. Água que no batismo representa a limpeza espiritual e que marca a presença de Deus e o início de uma vida cristã. Maria soube transformar essas lágrimas em alegria, força e coragem. Teve a capacidade de iluminar os espaços mais sombrios da sua vida sempre com uma força inigualável para cuidar, curar as feridas, e dar calor ao coração do seu filho que viu morrer numa cruz. Soube como ninguém transformar e renovar as suas tristezas e angústias em alegrias e contentamentos. Nós, que nos assumimos cristãos, nem sempre somos capazes de ter Maria como exemplo. Nem sempre usamos essa “água”, que anteriormente recebemos no batismo, para renovarmos o nosso ser, a nossa atitude, e a nossa forma de pensar e de agir. Nem sempre temos força para cuidar, curar e amar tal como Maria cuidou e amou o seu filho. Reflectimos sobre a força da água na nossa vida, desejando que a usemos como fonte de alegria. Água que limpa as nossas impurezas e que nos transforma em cristãos mais puros e capazes de fazer mais e melhor.

Neste encontro também houve grandes momentos de partilha, alegria e diversão.

Transcrevemos um dos cânticos que marcaram o dia como fonte de inspiração:

Tu és o sol do novo amanhecer! Tu és farol, a vida a renascer! Maria! Maria! És poema de amor! És minha mãe e mãe do meu Senhor!

Hoje quero acordar e ter- Te junto a mim; quero hoje cantar poemas de amor sem fim! Com a luz do Teu olhar vou semear a esperança. Pelo tempo vou voar, e sentir que sou criança.                              Catequese

Chamada e Início da Catequese
Chamada e Início da Catequese

2016-09-14

[ Download Chamada e Início da Catequese ]
Passeio a Santiago de Compostela
Passeio a Santiago de Compostela

Passeio a Santiago de Compostela

Passeio a Santiago de Compostela

Passeio a Santiago de Compostela

2016-06-20

Catequistas rumo a Santiago de Compostela

Chegou ao fim mais um ano catequético. Um ano de muita fé e misericórdia, mas também um ano exigente para a maioria dos grupos de catequese da nossa paróquia. Como já é tradição, os catequistas juntaram-se para o habitual passeio de comemoração/agradecimento pelo ano que terminou. Desta vez, um pouquinho mais longe… No passado dia 18 de Junho os catequistas rumaram a Santiago de Compostela, muitos acompanhados por familiares. As 4h de percurso (para cada lado) e a partida às 6h da manhã não os assustaram e o autocarro encheu-se com 60 pessoas (foi pena não caberem mais). Santiago de Compostela é, sem dúvida, uma cidade encantadora que concentra em si mesma uma enorme carga de espiritualidade, devoção e fé.

À visita à Catedral e ao centro histórico, juntaram-se vários momentos de oração e de partilha de emoções e convivências. O tempo, apesar de curto, deu para tudo: orar, passear, visitar todas as lojinhas, comprar os habituais “recuerdos”, tirar fotografias e, até mesmo, cantar o hino de Portugal mesmo em frente à entrada principal da Catedral.

Este foi, com toda a certeza, um dia único que nos encheu de alegria e consolidou os laços de amizade que unem os catequistas. A melhor forma de terminar um ano catequético… porque a catequese vai agora entrar de férias mas a eucaristia, a oração e a espiritualidade nunca tiram férias.,

É preciso lembrar!...                                                                                                        Os Catequistas

Encerramento do Ano da Vida Consagrada da Vigararia de S.J.M./OAZ
Encerramento do Ano da Vida Consagrada da Vigararia de S.J.M./OAZ

Encerramento do Ano da Vida Consagrada da Vigararia de S.J.M./OAZ

Encerramento do Ano da Vida Consagrada da Vigararia de S.J.M./OAZ

Encerramento do Ano da Vida Consagrada da Vigararia de S.J.M./OAZ

Encerramento do Ano da Vida Consagrada da Vigararia de S.J.M./OAZ

Encerramento do Ano da Vida Consagrada da Vigararia de S.J.M./OAZ

2016-04-25

ENCONTRO COM OS CONSAGRADOS E MEMBROS DA EQUIPA VOCACIONAL

No passado dia 25 de Abril, a E.V.V., organizou um encontro com todos os Consagrados/os oriundos e residentes na nossa Vigararia. Foram convidados todos os párocos, realçando o nosso Episcopado, como encerramento do Ano do Consagrado.

Muitos aderiram ao convite, tendo o privilégio de termos entre nós o Sr. D. António Augusto, Bispo Auxiliar, que recentemente assumiu as suas funções, para o sul da diocese, à qual pertencemos. Connosco tivemos o nosso Vigário, P. Artur Matos, bem como o nosso Assessor, P. Simão.

A falta de vocações consagradas e a importância que as mesmas assumem na vida das comunidades, levou-nos a refletir sobre esta temática de interesse para a vitalidade da Igreja.

O Sr. Bispo mostrou apreço, por esta iniciativa, possibilitando-lhe conhecer a realidade da nossa Vigararia. Como remate exortou-nos a continuar a nossa missão com a ajuda e apoio dos nossos párocos.

Como não podia deixar de ser, seguiu-se a Eucaristia com todos os presentes, reforçando assim que a vida do cristão se centra na Eucaristia e lembrando as palavras do Papa Francisco que nos diz: «As Vocações nascem na oração e da oração. E só na Oração podem perseverar e dar Fruto».

No final almoçamos todos juntos, um ambiente descontraído onde todos puderam conviver.

Agradece-se a todos os presentes, porque nos animam a continuar a nossa missão e um obrigado especial ao coro, que abrilhantou a Eucaristia.

 

Pela E.P.V Raul Pereira

Visita da Imagem Peregrina a Oliveira de Azeméis
Visita da Imagem Peregrina a Oliveira de Azeméis

Visita da Imagem Peregrina a Oliveira de Azeméis

Visita da Imagem Peregrina a Oliveira de Azeméis

Visita da Imagem Peregrina a Oliveira de Azeméis

Visita da Imagem Peregrina a Oliveira de Azeméis

Visita da Imagem Peregrina a Oliveira de Azeméis

2016-04-12

Visita da Imagem Peregrina e Nossa Senhora de Fátima a Oliveira de Azeméis:

 Estava anunciada a visita de Nossa Senhora. O dia e a hora chegaram e com eles chegou a Nossa Senhora.

Maria, a Mãe de Deus, a Mãe de Jesus, a Mãe de todos os homens.

 A Rainha do universo. Esteve na nossa cidade, onde era aguardada ansiosamente pelos seus filhos, com as emoções mais variadas, mas, sobretudo com a alegria de recebermos a Mãe em nossa casa!..

Foi saudada, venerada por todos. Desde os que aguardavam nas ruas a sua passagem, aos que se deslocaram ao Santuário, onde foi venerada como Nossa Senhora de La-Salette.

Desde a hora da sua chegada à da sua partida, uma multidão organizada revezou-se para acompanhar, louvar e rezar à mãe. Companheira de todos os momentos e de todas as horas. Foi emocionante ver a igreja unida.

O povo com os seus Párocos que, como bons pastores conduziu os seus rebanhos!

Também ninguém ficou indiferente à dedicação paternal do Reverendíssimo Senhor Bispo D. António Francisco, que, como nos foi revelado, vai acompanhar a Nossa Senhora na sua passagem por toda a nossa Diocese e nos deixou a sua bênção de Pastor e Pai na Fé.   
Catequese dia do Pai
Catequese dia do Pai

Catequese dia do Pai

Catequese dia do Pai

Catequese dia do Pai

Catequese dia do Pai

Catequese dia do Pai

2016-03-22

Catequese: Dia do Pai

 

PAI, que és tão NOSSO… No dia em que se comemorou o Dia do Pai, os catequistas do 2ºAno quiseram preparar uma catequese diferente para as suas crianças e familiares. Deste modo, na manhã do passado dia 19 de Março, crianças e pais encontraram-se em La Salette para uma catequese especial inteiramente dedicada a todos os pais.

A primeira parte desta catequese foi realizada no Santuário de N.ª S.ª de La Salette onde crianças e pais foram convidados a refletir sobre o verdadeiro significado da oração do “Pai Nosso”, oração que as crianças têm vindo a aprender ao longo deste ano catequético, assim como a importância de saber rezar esta oração com o coração, pois rezar não é mais do que falar com Jesus. Em seguida, de mãos dadas e como símbolo da união de sermos todos filhos do mesmo Pai, crianças, pais e catequistas rezaram a oração do “Pai Nosso”.

E porque para além do nosso Pai do Céu temos alguém muito especial aqui na terra, os nossos pais, para continuarem a espalhar o amor e os ensinamentos que Jesus nos deixou… todos os pais presentes foram convidados a meditar acerca da missão de serem pais a partir do exemplo de S. José, o homem que foi escolhido por Deus para ser pai de Jesus.

Também neste dia em que o amor e a ternura de cada gesto falaram mais alto, as crianças ofereçam aos seus pais uma velinha como símbolo da luz que são para os seus filhos. E foi com plano de fundo um imenso mar de ternura e de velinhas acesas que os catequistas dedicaram algumas palavras aos pais destas crianças…

E foi assim que ao som de cânticos bem conhecidos e apreciados pelas crianças, pais, filhos e catequistas caminharam em conjunto até à Estalagem de S. Miguel para continuar esta catequese tão especial… Lá, pais e filhos tiveram a oportunidade de assistir a uma pequena curta-metragem sobre a relação existente entre ambos: uma relação de crescimento, amor, carinho, admiração e respeito… que nos levou, posteriormente, a um momento de muita partilha e interação, no qual transpareceu a amizade e a união existente entre ambos, através da dinâmica do novelo de lã, onde não faltaram palavras carinhosas e sinceras, vindas do coração, proferidas quer por pais, quer por filhos num momento que se tornou muito tocante…

E porque ser pai é ser luz, farol, porto de abrigo… e porque ser pai também é estar presente na catequese dos seus filhos… queremos também, desta forma, agradecer a todos pais que estiveram presentes nesta catequese… o nosso muito obrigado! 

“Pais, peço-vos que sejam mediadores insubstituíveis da fé, da bondade e na proteção de Deus como S. José. Mensagem do Papa Francisco no Dia do Pai!”.

Catequistas do 2.º ano.: Catarina Dionísio
[ Download Catequese dia do Pai ]
VIA SACRA em Catequese
VIA SACRA em Catequese

VIA SACRA em Catequese

VIA SACRA em Catequese

VIA SACRA em Catequese

2016-03-08

VIA SACRA - Catequese

No passado dia 5 de Março a catequese da nossa paróquia, uma vez mais, reuniu na igreja desta vez, para percorrer a caminhada espiritual da Via-sacra. Este Piedoso exercício que teve início pelo coração amoroso e desgostoso de uma mãe que vê o seu Filho ser “espezinhado” que, com as suas lágrimas regava o caminho do Calvário e, depois de morto numa cruz, depositaram em seus destroçados braços...os mesmos braços que se tinham elevado ao céu para aceitar ser Mãe do Filho de Deus.

Precisamos transmitir às nossas crianças e jovens os valores morais e os verdadeiros testemunhos. Só assim, perceberam a imensidão do Amor Misericordioso de Deus…que em silêncio nos “segreda” para continuar.

Foi positiva a recetividade que vimos e sentimos da parte das crianças e seus pais.

Para os formadores que, como eu, não acreditavam na recetividade desta celebração, devo dizer que uma vez mais – “Se Deus estiver convosco, quem irá poder estar contra nós?” (Rom., 8:31).                                                    

  Emília Morais

< 1 2 3 4 5 6 >
contactar instituição | webmaster
powered by trampolim.pt